.posts recentes

. Perda

. Impedimento da ambição

. Carta de Mary Quant à gen...

. Restelo

. Impacto

. Ser um Ser

. Cidade em pó

. Gente Descontente

. Maratona da Vida

. Peças da Vida

. Falta

. Ciclo Estagnado

. Ser

. Sera(o) que voltas?

. Sem Palavras

. Multiplicação em Fracção

. Público

. Amor Funesto

. Momento

. (In)Correspondencia do am...

. Reflexão Última

. Pretérito Presente

. Há algo de belo

. If I...

. Erro

. Obsession

. Reflexão última

. O avesso do meu coração

. A tristeza d'um sorriso

. Romance Pt2

. Romance

. Raining

. Dreamer

. Fall

. Não ajudes...empurra

. O poeta não é mais que um...

. Curta-Metragem

. Flaming Rose

. Meu calcanhar de Aquiles....

. A quem escreve poesia.

. Só sei que nada sei

. Felicidade

. Intenção é a minha tentaç...

. O tempo para o suamento d...

. Soneto da Saudade

. Umas são em português...o...

. Uma para nos classificar ...

. :)

. Adivinha esta para vermos...

. Querem que vos declamemos...

.arquivos

. Novembro 2015

. Setembro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Dezembro 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2011

. Fevereiro 2010

. Abril 2008

. Setembro 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

Terça-feira, 10 de Outubro de 2006
Não ajudes...empurra

Se um amigo meu
Tentar de um precipício saltar
Não o puxo, faço o contrário...
Mesmo que o porquê de mim escondeu...
Mesmo que seja por doença, fel do amor ou salário
Tomo coragem!
Pois sei que o estarei a ajudar.

Sei que se o parar
Ele me vai perguntar
O porquê de o estar a ajudar
E ate contra mim se pode virar

Sei que se as cabeçadas
São por causa do tal fel
A que dói mais
É a sentida na pele

Sei que por mais cabeçadas
Que eu lhe possa travar
A maior cabeçada
É aquela que o faz acordar

E quem com elas não aprende
Das duas uma
Ou é um masoquista doente
Ou então só pode ser demente


Portanto...só te resta morrer...


Mas,...

Se achas que nasceste para morrer
Diz-me, o que ainda estas aqui a fazer?

publicado por Amor(com)Bateador às 15:27
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De pestinha_girl a 13 de Outubro de 2006 às 20:02
Ola desculpa mas n gostei deste texto pois axo k knd um amigo precisa de nos n o devemos empurrar para o abismo mas sim tira-lo de la e fazer de tudo para k volte ao normal... e o k eu axo...
De Amor(com)Bateador a 13 de Outubro de 2006 às 20:05
cara pestinha_girl

Antes de mais queria agradecer a todos os que visitam este blog e principalmente a todos os que o comentam...em relaçao a este poema e ao teu coment vejo que não temos pontos de vista em comum mas se não fosse assim a vida seria munotuna de mais pois eramos todos iguais...eu percebi o teu ponto de vista mas mesmo assim continuo a achar que ao ajudar um amigo estou a perder-lo pois ele inda me criticaria de me meter na sua vida e
portanto acho que aprende-se mais com as cabeçadas que se dao do que com as que nos sao evitadas.Mais uma vez obrigado plo teu coment e espero que não leves a mal o meu pois e só para reforçar a minha opião já antes dada no meu poema.
De Sutra a 13 de Outubro de 2006 às 20:04
Encontrei o teu endereço no blog de um tolo que anda a deixar comentários de spam sobre universidades e afins.

E vim conhecer. E gostei muito de conhecer :-)

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Novembro 2015
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30
.tags

. todas as tags

.links
.participar

. participe neste blog

blogs SAPO
.subscrever feeds